Agbook

RECANTO DA SERRA

LAR DE TROPEIROS

Por: ADEILSON NOGUEIRA

O tropeiro foi peça importante na ligação do interior com o litoral do Brasil. Ele era comerciante, era emissário oficial, era correio, intermediário de negócios, portador de bilhetes, recados, aviador de encomendas e receitas. Era um traço de união entre os centros urbanos afastados. Os tropeiros deram continuidade ao desbravamento das regiões afastadas do litoral, seguindo o caminho dos bandeirantes e sertanistas, primeiros desbravadores das terras do interior do Brasil. Tanto que, no Brasil, reconhecendo a utilidade do tropeiro, o governo imperial isentou do serviço militar os profissionais dessa categoria.

A figura do tropeiro inspira um universo mágico. Ele trazia as novidades, era uma pessoa do mundo que transitava por várias cidades e por diversos segmentos da sociedade. O tropeiro demonstrava sua riqueza pelo tamanho da tropa e pelo luxo dela. Ser dono ou fazer parte de uma tropa era um “status”, fosse a tropa grande ou pequena, todos queriam ser tropeiros, conhecer novos mundos e ter a chance de se deslocar de um segmento da sociedade para outro.

Diferentemente dos senhores de engenho e dos fazendeiros, os tropeiros faziam parte de uma espécie de elite sertaneja. Humano no trato com seus auxiliares, compartilhavam com eles as mesmas lutas e dificuldades. Soube entender os seus subordinados, sem, entretanto, perder sua autoridade de patrão, a quem se devia respeito e não submissão.

Quando Mizael Rocha Meneses, no longínquo ano de 1930, abriu a porteira da sua propriedade, denominada carinhosamente de “Recanto da Serra”, localizado no pé de Serra do Jacaré, em Tobias Barreto-SE, prestou ali uma homenagem a todos os tropeiros que, desde o século XIX por ali passaram vindos das cidades de Rio Real, Crisópolis, entre outras, com destino a Itabaianinha, Santa Luzia, Boquim, etc.

O próprio Mizael, da mesma forma que seu filho, Antonio Rocha de Meneses, também foram tropeiros e, o neto, Pedro Meneses, como não poderia deixar de ser, traz nas veias o sangue dos tropeiros e o amor por tão importante atribuição, decisiva para o comércio e prosperidade da região. Por este motivo, no ano de 2008, ele decidiu abrir a propriedade ao público, para que o visitante possa conhecer suas atrações, a exemplo do Museu Dona Maria, os chalés, as trilhas, a Budega do Tropeiro, a Bica, a Biblioteca Reciclada, a Mureta dos Dez Mandamentos em cordel, o Memorial Epifânio Dória, a Ponte Monnalisa Ferreira, que dá acesso ao Caminho das Artes, entre tantas outras, além de contar com restaurante e piscina.

Visitar o Recanto da Serra é fazer uma verdadeira viagem no tempo, à primeira metade do século XIX, é conhecer um pedacinho da trilha das tropas, é reconstruir e conhecer o cotidiano estradeiro dos tropeiros e seus ajudantes de tropas, é conhecer um pouco mais da nossa história.

Impresso
R$ 38,66

Ebook (PDF)
R$ 20,45

Tema: Parques E Acampamentos, Historiografia, Conservação Ambiental e Proteção, Turismo, Natureza, Geografia E Historia Palavras-chave: barreto, histÓria, sergipe, tobias, tropeirismo, turismo

Características

Número de páginas: 35
Edição: 1(2018)
Formato: A4 210x297
Tipo de papel: Offset 75g

Livros com menos de 70 páginas são grampeados; livros com 70 ou mais páginas tem lombada quadrada; livros com 80 ou mais páginas tem texto na lombada.



Personalizar acabamento
Para comprar cópias com opções de acabamento diferentes entre si, é necessário adicionar uma versão de cada vez ao carrinho.

Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

Fale com o autor

*Seu nome

*Seu email

*Mensagem


SEGURANÇA

Selo_norton

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.