Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO

Agbook

Som Protagonista, contos e lendas do mundo

Esta página foi vista 92 vezes desde 05/07/2021

Por: Camila Lordy

O livro é composto por pequenas histórias recolhidas, na sua maioria, da tradição oral das culturas abordadas. O primeiro capítulo é dedicado à Índia e começa pela narrativa do surgimento do AUM, a partícula universal de som, e segue com um texto sobre as palavras do sânscrito que relacionam o micro e o macro cosmos. Em seguida é contada a história de Tansen, cantor do século XVI, que serviu o imperador Akbar e inaugurou a linhagem espiritual da qual o músico Ravi Shankar fez parte.

O segundo capítulo é dedicado à antiguidade grega e narra o mito de Orfeu para relacionar Pitágoras, pai da teoria musical do ocidente, às religiões òrficas surgidas no sec. IV a.c., religião de homens que meditavam a partir das cordas da lira. A base para desenvolver o pensamento teórico do estudo da physis veio da prática meditativa dos pitagóricos. Antes de explicar o pensamento numérico de Pitágoras, há uma narrativa do encontro do filósofo com um xamã da Ásia central, Abaris Skywaker, que vai reconhecer no filósofo a reencarnação do deus Apolo e trocar sabedorias e informações vindas do oriente.

O terceiro capítulo é dedicado à Turquia e começa com uma pequena narrativa sobre o canto-reza muçulmano, o Adhan. Segue a história do encontro entre Mevlana Rumi e Shams de Tabriz na cidade de Konia, centro da Turquia, razão dos poemas clássicos "Divan de Shams de Tabriz" e que deram origem ao Sama. Em árabe, Sama quer dizer audição e é o nome da dança giratória meditativa dos dervishes sufis, uma vertente mística do islamismo. Nesse capítulo a música e o som, novamente, aparecem como resultado da harmonia entre o micro e macro cosmos.

O quarto capítulo é dedicado à África, o berço da música popular brasileira e, além do texto para diferenciar a África ao sul do Saara da cultura letrada e islâmica ao norte do Saara, há um conto sobre o deus Nymabé, criador do povo bantu e uma adaptação para a história do menino "Akim" de um poema chamado "Canção dos Homens", ambos de Gana.

Por fim, o último capítulo é dedicado aos indígenas do Brasil com narrativas inspiradas em histórias contadas por Kaka Werá, Davi Kopenawa e Leonardo Boff, sobre a participação do som na vida da comunidade e reinterpretadas com o propósito de fazer do som o protagonista das narrativas.

As pesquisas foram feitas em livros de história, de música, de filosofia, de religião, de poesia e alguns livros didáticos que trabalham com as geografias indicadas. No fim, há um texto sobre a da prática social da música em cada uma das culturas ao longo do tempo, e um fechamento para pensar a possibilidade de novas formas de estudar a linguagem musical, uma abordagem transdisciplinar para uma linguagem artística presente em diferentes cosmogonias.

Selos de reconhecimento

Ebook (epub)
R$ 25,19

Para comprar cópias com opções de acabamento diferentes entre si, é necessário adicionar uma versão de cada vez ao carrinho.

Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

SEGURANÇA

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.