Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO

Agbook

A FESTA DE BALDO

(Poema misto em oito cantos)

Por: ÁLVARO TEIXEIRA DE MACEDO

AFESTA DOS BALDO

O poema chama-se A Festa de Baldo:

Eu canto a singular festa de Baldo... (Canto primeiro, verso 1) / Assim acabou a festa de Baldo. (Canto oitava, último verso)

Mas, poderíamos tranquilamente chamar-se A Festa dos Baldo (o Escrivão de cartório Cleto Baldo e sua D. Clara - Clarinha, nada mais que o nosso poeta e sua esposa D. Ana de Macedo), o tema da poesia é comum, a comemoração dos quinze anos de casados - bodas de esmeralda.

Toda a alta sociedade (A Saúde: o boticário, hoje em dia seria o farmacêutico; a Igreja: o vigário, o bispo - Luís do Rego, também militar: Capitão General etc., a Lei: o juiz de paz, o juiz de fora e o Mestre-Escola: Roberto – Berto para os amigos) está convidada para a Festa.

Instigada por Mestre Berto e pela filosofia de Epicuro – viver e ser feliz - D. Clara quer comemorar, ou seja, festejar.

As mesas são fartas: doces finos, vinhos das melhores qualidades, salgados de todos os modelos etc.

Admirável é a sensibilidade com o que o Poeta descreve o abate das aves para o banquete da Festa: frangos que sonham em ser galos, galos propriamente ditos, galinhas e patos etc.

Os músicos (flauta da vila e a guitarra) estão contratados.

A Festa começa...

No auge da Festa aparece uma canalha de penetras, domina a Festa e faz das mesas fartas reféns, não é preciso repetir o grande poeta modernista: A Festa acabou!...

E assim termina A Festa dos Baldo:

Qualquer que seja o bem que à pátria venha

Desta rusga internai agora em campo.

Deviam tê-la feito há quinze dias

Ou então adia-la para mais tarde. (A Festa de Baldo, 1888, pp. 17 a 31)

D. Clarinha e Cleto Baldo decidem nunca mais fazer Festa.

Rio, 18 de outubro de 2020.

Dr. Formigão (A. C. Ferreira)

Selos de reconhecimento

Impresso
R$ 42,48

Ebook (PDF)
R$ 27,34

Tema: Ficção e Romance, Literatura Nacional, Poesia Palavras-chave: brasileira, literatura, poesia

Características

Número de páginas: 89
Edição: 1(2020)
Formato: A4 210x297
ISBN: 9798556174894
Tipo de papel: Offset 75g

Livros com menos de 70 páginas são grampeados; livros com 70 ou mais páginas tem lombada quadrada; livros com 80 ou mais páginas tem texto na lombada.



Personalizar acabamento
Para comprar cópias com opções de acabamento diferentes entre si, é necessário adicionar uma versão de cada vez ao carrinho.

Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

Fale com o autor

*Seu nome

*Seu email

*Mensagem


SEGURANÇA

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.