Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO

Agbook

Fisiologia do exercício para atletas amadores e profissionais no futebol

Esta página foi vista 144 vezes desde 18/11/2023

Por: Douglas Lacerda

A fisiologia do exercício é o estudo das alterações fisiológicas que ocorrem no organismo durante a prática de atividade física. Para atletas amadores em futebol, é importante compreender os princípios da fisiologia do exercício para poder melhorar o seu desempenho e prevenir lesões.

O futebol é um esporte intermitente, com períodos de alta intensidade intercalados com períodos de recuperação. As principais adaptações fisiológicas ao futebol são:

Aumento da capacidade cardiorrespiratória: o coração torna-se mais eficiente no bombeamento de sangue, o que melhora a capacidade de transporte de oxigênio para os músculos.

Aumento da capacidade anaeróbica: os músculos tornam-se mais eficientes na utilização de energia sem oxigênio, o que permite a realização de esforços de alta intensidade por períodos mais curtos.

Aumento da força e da potência muscular: os músculos tornam-se mais fortes e são capazes de produzir mais força em menos tempo, o que melhora o desempenho em atividades como chutes, dribles e disputas de bola.

Melhoria da flexibilidade: a flexibilidade permite que os movimentos sejam realizados com maior amplitude e eficiência, o que reduz o risco de lesões.

O treinamento para atletas amadores deve ser individualizado e adaptado às necessidades e objetivos de cada atleta. No entanto, existem alguns princípios gerais que podem ser seguidos:

Progressividade: o treinamento deve ser progressivo, começando com cargas leves e aumentando gradualmente a intensidade e a duração.

Variedade: o treinamento deve ser variado para evitar o tédio e a monotonia, que podem levar à desmotivação.

Recuperação: a recuperação é tão importante quanto o treinamento. Os atletas devem respeitar os períodos de descanso para que os músculos possam se recuperar e se adaptar aos estímulos do treinamento.

As lesões são uma das principais preocupações dos atletas. O futebol é um esporte de contato, o que aumenta o risco de lesões musculares, articulares e ligamentares. No entanto, existem medidas que podem ser tomadas para prevenir lesões, como:

Aquecimento adequado: o aquecimento prepara o corpo para o esforço físico e reduz o risco de lesões.

Fortalecimento muscular: o fortalecimento muscular ajuda a estabilizar as articulações e reduz o risco de lesões.

Boa técnica: a boa técnica reduz o estresse sobre as articulações e músculos.

Equipamento adequado: o uso de equipamento adequado, como chuteiras e caneleiras, pode ajudar a prevenir lesões.

Ebook (PDF)
R$ 49,58


Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

SEGURANÇA

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.