Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO

Agbook

Dano Moral no Abandono Afetivo

Esta página foi vista 123 vezes desde 27/11/2023

Por: Larissa Romero de Souza

O dano moral no abandono afetivo. Trata-se da ausência de uns dos genitores no crescimento da criança ou adolescente. Os genitores têm o dever legal de cuidado para com a prole, entretanto, quando se fala de afeto, não há como se exigir. A criança cresce sem o apoio moral, sentimental e afetivo dos pais, isso devido a muitas vezes o responsável se negar a conviver com o próprio filho ou em convivendo, o ignora. Já existem muitos julgados tratando da matéria em questão, sem, contudo, pacificá-la. Doutrinariamente, existem os prós indenização pelo abandono afetivo e os contra, sendo a questão muito delicada de se abordar, visto não ser possível medir o sofrimento de uma pessoa nem tão pouco quantificá-lo. Com base na própria jurisprudência e doutrinas, o presente trabalho será concluído, especificando as consequências do abandono afetivo na vida da criança/adolescente, bem como o efeito da indenização no ordenamento jurídico brasileiro.

Selos de reconhecimento

Ebook (PDF)
R$ 22,49


Comentários (0 comentários)

Deixe seu comentário:

Nome

Email (não será publicado na página)

Comentário

SEGURANÇA

FORMAS DE PAGAMENTO

Boleto Bancário Itaú Transferência online Banco do Brasil Transferência online Bradesco Transferência online Itaú Cartão Visa Cartão MasterCard Cartão American Express Cartão Diners Cartão Hipercard
Todo o conteúdo dos livros é de exclusiva responsabilidade de seus autores, sem nenhum tipo de responsabilidade editorial da AgBook, responsável unicamente pela comercialização e entrega.